Xandy e Xandinho Negrão vencem pela segunda vez na temporada 2019 e se mantém líderes do campeonato da GT3

A sexta etapa do Império Endurance Brasil da temporada 2019 finalizou a corrida de três horas na tarde deste sábado, no Autódromo Ayrton Senna, em Goiânia, no Goiás. A bordo da Mercedes AMG #09 a dupla de pai e filho, Xandy e Xandinho Negrão, venceram na categoria GT3 e finalizaram na terceira posição da geral.
Essa foi a segunda vitória da dupla na temporada 2019, eles também venceram a etapa de abertura em Curitiba, e conquistaram três segundos lugares (Goiânia, Santa Cruz do Sul e Velopark) e uma quarta posição na etapa de Interlagos. “Muito bom vencer e continuar líderes, fica faltando duas provas só, vamos ver, mas corridas são corridas, tem que ir nesse ritmo, chegando, marcando pontos, isso é corrida longa, não adianta desesperar, é um jogo de paciência e velocidade ao mesmo tempo”, explicou Xandy que se mantém na liderança da categoria somando 645 pontos, sem o descarte obrigatório.
Foram 116 voltas no circuito com temperaturas marcando mais de 30 graus. “Foi bom no final, o carro se comportou bem no calor, demos um pouco de sorte no começo, com o safety car que acabei chegando na Porsche, depois um pouco de azar no outro safety que eles acabaram chegando em nós, mas conseguimos dar essa volta nele que foi super importante para o stint do meu pai”, contou Xandinho.

A próxima etapa do Império Endurance Brasil acontece em Santa Cruz do Sul (RS) no dia 2 de novembro.

Confira o resultado das 3 Horas de Goiânia:

1º) 65 – Nilson Ribeiro/Jose Ribeiro (AJR, P1), 116 voltas em 3:00:51.985
2º) 5 – T.De Andrade/J.Martini/M.Muller (AJR , P1), a 50.282
3º) 9 – Xandy Negrão/Xandinho Negrão (MercedesAMG , GT3), a 1 volta
4º) 20 – W.Ebrahim/F.Ebrahim/P.Aguiar (GinettaG57 , P1), a 1 volta
5º) 55 – Marcel Visconde/Ricardo Mauricio (Porsche , GT3), a 1 volta
6º) 8 – Guilherme Figueiroa/Julio Campos (MercedesAMG , GT3), a 2 voltas
7º) 175 – Henrique Assunção/Luis Floss (AJR , P1), a 2 voltas
8º) 113 – Pedro Queirolo/David Muffato (AJR , P1), a 6 voltas
9º) 155 – Ric.Mendes/Tom Filho/P.Feter (Ferrari458 , GT3 L), a 6 voltas
10º) 555 – Renato Braga/Renan Guerra (Ginetta , GT4), a 8 voltas
11º) 72 – C.Antunes/Y.Antunes/S.Pistilli (MRX , P3), a 9 voltas
12º) 75 – Henrique Assunção/Emilio Padron (MRX , P3), a 9 voltas
13º) 22 – L.Ferrari/S.Jimenez/F.Abrunhoza (MercedesAMG , GT4), a 9 voltas
14º) 35 – Jair Bana/Duda Bana (Predador , P2), a 11 voltas
15º) 89 – Matheus Stumpf/Renato Stumpf (RadicalSR3 , P3), a 15 voltas
16º) 19 – Chico Longo/Marcos Gomes (Ferrari488 , GT3), a 17 voltas
17º) 34 – Mario Marcondes/Ricardo Haag (MRX , P4), a 17 voltas
18º) 64 – Henry Visconde/Kreis Junior (BMW , GT4), a 17 voltas
19º) 63 – Sergio Ribas/Guilherme Ribas (AstonMartin , GT3), a 18 voltas
20º) 3 – Alexandre Auler/Leandro Romera (MercedesAMG , GT4), a 23 voltas
21º) 4 – Jindra Kraucher/Aldo Piedade Jr (Sigma , P2), a 23 voltas
22º) 7 – Aldoir Sette/Franco Pasquale (Protótipo7 , P3), a 23 voltas
23º) 74 – A.Cignetti/L.Abbade/T.Antoniazzi (Spyder , P4), a 25 voltas
24º) 43 – Vicente Orige/G.Martins/R.Campos (AJR , P1), a 25 voltas
25º) 14 – J.Victorette/M.Karam/G.Lusquinos (CLA 45AMG , GT4L), a 37 voltas
26º) 32 – Mauro Kern/Paulo Sousa (MCRTubarão , P2), a 50 voltas
27º) 37 – Stuart Turvey/Renato Turelli (ProtótipoKTT , P2), a 59 voltas
28º) 45 – Fabio Scorpioni/Paulo Totaro (Ginetta , GT4), a 70 voltas
29º) 16 – Essio Vichesi/Vinicis Kwong (Ginetta , GT4), a 83 voltas
30º) 17 – Gu.Frey/Ge.Frey/S.Cardoso (Dallara , P3), a 107 voltas